Simples Nacional: Pagamentos de Impostos poderão ser adiados

Simples Nacional: Pagamentos de Impostos poderão ser adiados

Devido à crise do coronavírus, o Comitê Gestor do Simples Nacional aprovou, ainda na semana passada, o adiamento do pagamento dos tributos federais para empresas do Simples Nacional, incluindo os MEIs.

Ou seja, a parcela referente ao ISS (Imposto sobre serviço), que é de caráter municipal e o ICMS (Imposto sobre mercadorias), de caráter estadual, continuam com os vencimentos mantidos para os meses originais.

Pagamento do imposto simples nacional adiado

Assim, em caráter especial, serão emitidas as guias apenas com estes dois impostos (ISS e ICMS) e a guias DAS, com o restante dos impostos, porém com o vencimento adiado.

Guias para optantes do Simples Nacional: quais são as novas datas?

As guias serão geradas normalmente, porém, como serão emitidas de forma separada, as empresas que optarem por adiar as que venceriam originalmente nos meses de abril, maio e junho, realizarão estes pagamentos, respectivamente, junto com as guias de outubro, novembro e dezembro, ficando da seguinte forma:

– Cobrança referente ao mês de março de 2020, com vencimento inicial em 20 de abril de 2020, ficará com validade para 20 de outubro de 2020;
– Cobrança referente ao mês de abril de 2020, com vencimento inicial em 20 de abril de 2020, ficará com validade para 20 de novembro de 2020;
– Cobrança referente ao mês de maio de 2020, com vencimento inicial em 20 de abril de 2020, ficará com validade para 20 de dezembro de 2020.

Uma recomendação que fazemos é: Fique atento para não criar uma “bola-de-neve”. Até o momento, esta não é uma medida que “isenta” os impostos, apenas dá um fôlego para este momento.

Se precisar de ajuda, o Simplificador está aqui para isso mesmo!


Leave a Reply